28 de jan de 2011

Nunca antes na história de Guaíra.

Os munícipes estão atordoados com esse aumento na conta de água, só esse ano teve um aumento e um reajuste na conta de água e esgoto, esse aumento nasceu dos decretos baixados pelo Prefeito que trabalhou com um orçamento o ano passado de aproximadamente 88 Milhões.
No ano passado o Prefeito juntamente com o Diretor da Autarquia enviou um Projeto de Lei para ser aprovado, esse projeto tratava-se de aumentar a conta de água e esgoto do município, os munícipes se assustaram com o projeto de aumentar a conta de água e esgoto.
Mas esse projeto foi vetado pela Câmara Municipal, que não concordou com o aumento, não podemos esquecer que o prefeito trabalhou com um orçamento de aproximadamente 88 Milhões, com um orçamento robusto como esse a conta de água dos munícipes não precisaria de aumentar e ser reajustada duas vezes em menos de um ano, sendo um no meio do ano passado e outro no início deste ano, tudo indica que não houve planejamento por parte do Diretor da Autarquia.
Mesmo com o Projeto de Lei rejeitado pela Câmara Municipal, o Prefeito não pensou na comunidade, que está muito descontente com sua administração, mesmo assim, ele não pensou na comunidade de baixa renda e por decreto, passou por cima da Câmara Municipal, e aumentou a conta de água e esgoto do município, causando muita indignação nos moradores da periferia da cidade, que estão sendo os mais prejudicados pela decisão do prefeito.
Essa decisão impensável do Prefeito está deixando os moradores da cidade indignados, pois nunca antes na história do município teve tanto corte de água como está ocorrendo na administração União e Progresso, certo desse fato, a Autarquia contratou uma empresa só para cortar a conta de água de quem está em débito com a Autarquia, a cidade de Guaíra com 81 anos, nunca antes na história do município, houve tal decisão que está causando muito constrangimento nos moradores da cidade, porque com a terceirização do serviço, houve um aumento para religar a água cortada dos moradores da periferia, que dependo o valor que o morador devia, acaba saindo muito caro em alguns casos, sendo que antes este serviço era muito bem feito pelos próprios funcionários do DEAGUA, e o custo era menor no valor da religação, bem como para a Autarquia.
Enquanto os moradores sofrem para pagar essa conta de água caríssima imposta pela administração União e Progresso, os vereadores até agora não tomaram um posicionamento que viabilizasse essa situação lamentável, mas esperamos que os vereadores que foram eleitos para fiscalizar, e trabalhar para comunidade possa ostensivamente, criar mecanismos que possa combater tal aumento na conta de água esse ano.
Neste ano esperaremos que os vereadores se mantenham atentos a qualquer aumento abusivo na conta de conta de água e esgoto do município, até porque esse ano o orçamento municipal passará dos 100 Milhões na arrecadação vamos dar um basta em aumentos como esse e pensar um pouco mais na qualidade de vida dos moradores da periferia do município.

Nenhum comentário: