25 de mai. de 2011

A Imprensa mercenária e os ataques injustos e de graça.


Quando a imprensa sente ameaçada, ela lança seu veneno e despeja maldades com sua manipulação soberana e sem pudor, ela não mede esforços para desclassificar esse ou aquele cidadão pagador de IMPOSTOS, pagadores de IMPOSTOS, que estão indignados com a omissão dessa imprensa e seu patrão.
A imprensa é Injusta com o cidadão, muito justo é o cidadão que paga seus IMPOSTOS e espera que os mesmo seja revertido nas áreas que compõe o desenvolvimento da comunidade, quando isso não acontece, recorremos à fiscalização por parte da imprensa, assim deveria ser na prática, mais a fiscalização por parte da imprensa não vem ocorrendo para o BEM dos administradores, que paga BEM para estar sempre de BEM com a omissão da imprensa desse Brasil da impunidade.
Quando o cidadão indignado se revolta com a omissão da imprensa respaldada pelos contratos e as notas pólo norte, manifesta sua revolta quanto aos investimentos que deveriam fazer parte da comunidade periférica desse País de Todos que estão escassos, os ataques injustos e de graça, aparecem para tentar minar o cidadão indignado, e melar a verdade, que País é esse, que cidades são essas?
A imprensa com sua omissão e seu interesse próprio, está retrocedendo o desenvolvimento da comunidade periferia desse Brasil a fora, a violência entre nossos jovens, o assistencialismo, a saúde precária, uma educação sem norte, a falta de comprometimento no esporte, na cultura e no lazer, por tudo isso devemos analisar os ataques injustos e de graça dessa imprensa manipuladora, montada no dinheiro público, ela só pensa nela mesmo.
O melhor remédio quanto aos ataques injustos e de graça dessa imprensa mercenária e venal, tem sido a reflexão diante de suas páginas, quanto às matérias vinculadas sobre seu patrão, à reflexão reflete BEM quanto à imprensa está sendo injusta com a comunidade pagadora de IMPOSTOS, a omissão da imprensa está desencadeando um circulo vicioso entre algumas prefeituras desse imenso Brasil, com isso, o progresso de muitos municípios ficam engessados a custa desse sistema.
A omissão planejada por parte dessa imprensa mercenária, no futuro não haverá dinheiro para sustentar esses contratos entre a imprensa e as prefeituras desse Brasil a fora, os contratos e as notas pólo norte, deveriam ser analisadas pelos órgãos competentes, para que no futuro não teremos um público tão vil quanto esse sistema.

Nenhum comentário: