22 de mai de 2012

Vereador é acusado de assediar jovem de 17 anos pela 2ª vez

Foto: Jornal da manhã
O vereador Jorge Ferreira já respondeu na Câmara processo por assédio a servidoras públicas
Vereador é acusado de assediar uma jovem de 17 anos. O pai da menor é quem chamou a polícia e chegou a tentar agredir o legislador municipal, que correu para dentro de uma escola e depois saiu pelos fundos.
Na tarde de sábado (19), o comerciante J.S.F., 46 anos, morador do bairro Gameleira, acionou a Polícia Militar (PM) para registrar queixa envolvendo sua filha de 17 anos. Segundo informações que constam no documento, a menor deslocava de bicicleta pela avenida Nossa Senhora de Lourdes, juntamente com um amigo, também menor de idade. Em dado momento, o vereador pelo PMN, Jorge Ferreira da Cruz Filho, 43 anos, que trafegava pela mesma via, encostou seu veículo Vectra sedan, de cor preta, placas HKU-4281, ao seu lado e a convidou a entrar. Segundo a menor, como esta foi a segunda vez que tal fato ocorre, ela xingou o vereador e saiu correndo para sua residência e contou ao seu pai. Os dois se deslocaram até uma escola no bairro, onde o vereador estava participando de uma homenagem às mães. A adolescente, com autorização do pai, adentrou e sentou-se ao lado do vereador, que de imediato passou um papel com o número de seu telefone e disse para que ela ligasse a cobrar. Do lado de fora da escola, quando a menor ligou, o vereador saiu para encontrá-la e se deparou com o comerciante J.S.F., bastante irritado.
Segundo ainda consta no documento registrado pela Polícia Militar, o pai e o vereador chegaram às vias de fato, tendo o edil entrado na escola e fechado o portão. Foi apreendido um pedaço de papel com telefone escrito pelo vereador. A PM procurou pelo vereador, mas ele não foi encontrado. Tal fato não seria a primeira vez que ocorre. Segundo a menor e seu pai, quando ela tinha 15 anos, o vereador a assediou, porém, com a ajuda de outro vereador, tudo teria ficado resolvido.
Fonte: http://jmonline.com.br

Nenhum comentário: