25 de jun de 2014

Seremos campeões da Copa e das idiotices.

Por Adeir Alves 

 Lastimável a postura hipócrita de um ou de uns que, na sua maioria estão sempre querendo se beneficiar com algumas mordomias alheias. Ainda estou longe de ver seres racionais que não dependem do dinheiro público para sua sobrevivência estar indignado e afoito com o sistema imposto à população carente que, na sua maioria são obrigadas a conviver com o sistema governamental falho.


Seria ótimo ver meu Brasil ganhar a Copa do Mundo em nosso País e compartilhar a alegria de sermos campeões unidos com uma boa parte de um povo sábio levantando bandeira dos Direitos das Crianças e Adolescentes e, sobretudo, juntos levantarmos a bandeira da democratização dos Meios de Comunicação, da melhora da qualidade da Saúde Pública, da Cultura, do Esporte, da Habitação, das Políticas Públicas, entre tantos direitos pertinentes aos Pobres, aos Negros e aos Periféricos, direitos que lhe são negados.

Olha gente, pelo amor de Deus onde vamos parar com isso entoar gritos de descontentamento porque um fulano ou uma fulana perdeu o empreguinho remunerado com dinheiro público, quanta lástima - quanta deficiência intelectual - quanta cegueira - ainda que o povo pobre lute por sua sobrevivência na terra de Leões, seremos campeões da Copa e da idiotices. 

Então tudo é uma questão de ponto de vista de quem está mais bem posicionado e tem grande poder de manifestar a favor de questões ambíguas, por aí vai. Lembra-se da bandeira da democratização dos Meios de Comunicação, da melhora na Saúde, Educação, Esporte, Habitação, quem sabe depois da alegria da Copa, nossa quase me esquecia da alegria do Carnaval; alguém me avise quando começar as propagandas eleitorais, nossa já passou as eleições, novamente esqueceram-se de erguer a bandeira citada neste humilde texto, atenção, mas se alguém perder o empreguinho público, agora vocês já sabem o que é mais importante?

Nenhum comentário: