18 de set de 2015

A cura para o pânico que tem aprisionado o atual prefeito

Adeir Alves 

 Com a crise política que assola a gestão pública municipal, o prefeito municipal se vê em pânico à beira do abismo político, sem saber para onde correr, se correr o bicho pega, se ficar para o bicho come! 

Tudo era para ser uma maravilha após o prefeito municipal anunciar dias atrás, em sua ferramenta única de propagação de suas conquistas, o facebook, que tão breve há de começar a construção das 232 casas, era para ser uma maravilha, o cenário político sinalizava para que governo, veemente, fosse ovacionado pela população, mas uma lamentável notícia enfraqueceu sua governabilidade direcionando-a para um estado de revolta entre a população.


 Segundo matéria postada na última terça-feira, 15, na página do G1 (globo.com) sobre o título: “MPF investiga desvio de R$ 400 mil da merenda escolar em Guaíra - SP”, enfraqueceu a governabilidade da gestão, pior ainda: os meios de comunicação de nosso município tem agido com excessos, como se fosse um partido de oposição impetrando ferrenha oposição à atual gestão, como nunca antes tínhamos presenciado na história política de nossa cidade, entretanto, deram ênfase a essa matéria sem, ao menos, ouvir o prefeito - contudo esta notícia tem causado um tremendo desgaste na gestão, lembrando que não tem nada provado são só supostos indícios de irregularidades, é muito importante salientarmos que, acima de tudo, devemos manter a ética e esperar o desfecho das investigações antes de atiramos a pedra! 

Lamentável o que a imprensa golpista de nosso município tem feito uma tempestade, mesmo que sem ouvir o maior prejudicado nessa história, o prefeito municipal. A imprensa tentou mais uma vez pegar um gancho e, com isso, induzir nossa população a tomar decisões acerca de seus descontentamentos, mas o povo não é bobo, na hora certa saberá avaliar o despreparo das famílias que comandam o poder manipulador dos órgãos de imprensa de nossa Guaíra. 

Voltando a falar do pânico que vem assombrando o prefeito. A desistência de boa parte dos presidentes de partidos e os descontentamentos de vereadores da base aliada tem culminado para a síndrome do pânico que tem acometido o comandante da máquina pública. Mas como o prefeito irá vencer seus medos e seguir seu caminho triunfante, são perguntas que não querem se calar. 

Quem não deve não teme. Esta questão envolvendo possível corrupção na merenda escolar é um fato simples de resolver, isso se o governo não tem nada que ver com essa situação. Segundo ele, o prefeito após o ocorrido, ele mencionou no facebook, que ele é o maior interessado em esclarecer, portanto devemos ficar tranquilos. 

A cura para o pânico que tem aprisionado o atual prefeito. O remédio para curar o pânico que tem feito o governo reféns de seus próprios medos e se apegado em elogios de terceiros, como falta pouco tempo para o término de sua gestão, o prefeito precisa correr contra o tempo, começando abaixando a guarda e renunciando o governo de ilusões: erguendo uma gestão pública onde a família guairense tenha participação nas decisões advindas do governo, e que os presidentes de partidos e o vice-prefeito tenham aproveitamento no comando da máquina pública, aí sim o prefeito triunfará, ainda que no vale sombrio da imprensa desmamada, não sentirás medo do pânico, pois o povo, os presidentes de partidos e o vice-prefeito estarão ao seu lado.

Um comentário:

Sergio de Mello disse...

http://g1.globo.com/sp/ribeirao-preto-franca/noticia/2015/09/prefeito-nega-participacao-em-fraude-da-merenda-escolar-em-guaira-sp.html?utm_source=facebook&utm_medium=share-bar-desktop&utm_campaign=share-bar