26 de nov de 2018

Acorda, Zé Eduardo!

Adeir Alves:

 Nosso município é contemplado por três usinas (Usinas Colorado, Guaíra e Guarani) que são as maiores geradoras de empregos na região e, concomitante, contribui para turbinar a arrecadação de impostos engordando o orçamento público municipal. As três empresas além de gerar receitas e empregos produzem riqueza como Álcool (Etanol), Açúcar, Energia entre outros, que abastecem as necessidades do País, e ainda exportam seus produtos. 



 Com o grande número de trabalhadores contratos pelas Usinas, a cada começo de mês, o comércio Guairense, como um todo, é movimentado com suas vendas aquecendo a economia da cidade.  A importância dos tributos gerados pelas três empresas é de grande magnitude somada aos outros impostos, bem aplicados, sinaliza para o crescimento da cidade enfatizando melhorias nos serviços públicos.



 É no final de abril e meados de maio que dá início a safra nas três produtoras de Álcool (Etanol), Açúcar, Energia, contratando centenas de colaboradores. Já no final de novembro e início de dezembro encerra-se o final da colheita, dispensando um aglomerado de pessoas que, desempregadas, esperam o próximo ano. 

 Esta questão do desemprego no final do ano e inicio de janeiro (2019), já era para ter sido resolvido pela atual gestão, mas até agora nada de apresentar à sociedade guairense, uma política municipal de oportunidades de empregos! 

 A prefeitura Guará – SP criou um programa de auxílio-desemprego “Programa Emprega Guará”, que oferecerão vagas de empregos no período de nove meses podendo ser prorrogada por mais três meses. O programa oferece bolsa auxílio-desemprego no prazo de nove meses e ainda os contratos receberão um salário mínimo e uma cesta básica, tendo um dia da semana para cursos de capacitação.

O prefeito municipal está muito mal assessorado. Se o gestor público não tiver uma base política constituída e compromissada nos interesses da cidade, ele não conseguirá governar com eficiência. Acorda, Zé Eduardo!

A Coordenadoria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, com dois anos de administração, ainda não mostrou ao que veio. É de responsabilidade desta pasta criar oportunidades de empregos, mas para isso, é preciso ter vontade e estar comprometido com o desenvolvimento da cidade, sair do anonimato e dar ao Povo o que é do Povo, oportunidades!

 O prefeito Zé Eduardo precisa tirar os óculos da tolerância e observar ao seu redor, parar de ficar boiando e ver o tanto que ele está mal assessorado.

Já passou da hora do Chefe do Executivo dar um choque de ânimo e criatividade em seus Secretariados - não é só receber altos salários e não apresentar resultados - gerar empregos, oportunizar condições dignas de vidas aos contribuintes sob o manto de políticas públicas recheadas de oportunidades, isso é administrar com eficiência. Acorda, Zé Eduardo!

 Por meio da Coordenadoria de Desenvolvimento Econômico e Turismo poderiam ser criados uma frente de trabalho, com recursos oriundos do orçamento público, um projeto (gerando empregos) com aval da Câmara Municipal, para cuidar dos matos altos nas guias das sarjetas das calçadas, pintar as guias das praças públicas, cuidar dos prédios públicos entre outros serviços pela cidade. Serviços que não precisariam ser terceirizados, proporcionando economias aos cofres públicos. Acorda, Zé Eduardo!

 É preciso ter visão de futuro, planejamento e como diz o prefeito zelar pelos princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade, eficiência, talvez precise colocar mais  em prática esses princípios associado ao amor por Guaíra e o compromisso com o povo. Acorda, Zé Eduardo! 

“Quem sabe faz a hora, não espera acontecer” Geraldo Vandré

Nenhum comentário: