5 de fev de 2014

Mello deverá dizer a esta imprensa mercenária o que lhe corrompe não me constrói, pois quem tem filho de bigode é gato

Por Adeir Alves: 

 Por que a imprensa em Guaíra - SP está descaradamente tão tendenciosa e tão raivosa, particularmente, este blogueiro acredita que ela está revoltada por ter tido seus contratos milionários cortado com o Paço Municipal? E, agora, notinhas só se forem sem compromisso!

 Não demorou muito para o Tablóide mercenário acostumado a viver a custa da Prefeitura, há quase um século, mostrar sua tática sanguinária de guerrilha, ou paga, ou leva pau.


Mello fez o que todo político que pensa no povo faria, cortou os contratos milionários com o Jornalão que é conhecido como tablóide por sua conduta antiética e manipuladora - sobretudo - Mello gerou economias aos cofres públicos, contudo, a compra da área para construção de casas populares para suprir o déficit habitacional alavancado nos últimos anos, foi a gota d’água para o tablóide declarar guerra a gestão Melista. Tablóide ataca, Mello prefere o silêncio e contar com o apoio do povo.

 E nós cidadãos pagadores de impostos, precisamos avaliar seriamente a conduta tendenciosa da imprensa, em nosso município, refletirmos sobre o papelão feio que a imprensa vem nos impondo - mesmo sem o nosso consentimento.

 Mello deverá dizer a esta imprensa mercenária o que lhe corrompe não me constrói, pois quem tem filho de bigode é gato, a Prefeitura não é obrigada a sustentar a família inteira, de mamando a caducando do tablóide. 

Na verdade, o tablóide partiu para o confronto munido de raiva, ódio e rancor do governo municipal que insiste no silêncio, em respeito à família guairense. 

Quantos governos mais serão humilhados, torturados, massacrados, e destruídos pelos interesses escusos da imprensa guairense, enquanto isso, nós assistimos de braços cruzados, indefesos sem saber o que fazer para frear esta guerra declarada pelo tablóide?

Nenhum comentário: