24 de mar de 2014

Diretor de Comunicação da Prefeitura do Município de Guaíra/SP detona Jornalão e Rádio Cultura

Por Cristian Sterchile, nas redes sociais:

DESCONVERSANDO O FIADO

Há pouco tempo, nosso prefeito Sérgio de Mello anunciou em seu facebook uma nova coluna intitulada "DESCONVERSANDO O FIADO". Título dado nada mais nada menos, para responder a tanta conversa fiada que vem de dois meios de comunicação, que se uniram para lamentavelmente, de forma antidemocrática, desprovida de provas contundentes ou o profissionalismo que se espera, atacar a administração. Imprensa que publicamente ou pelo menos nega veementemente, tomou partido nas últimas eleições e até hoje segue como se estivesse em campanha...

Artigos que vão contra a verdade, utilizando como desculpa a "Imprensa Investigativa" para justificar muito veneno, se autointitulando "defensora de Guaíra". Conversa fiada, isso mesmo, conversa fiada, pura e destilada! 

 Onde estava esta "imprensa investigativa" na administração 2009/2012? Até mesmo o mais desatualizado ou menos informado já percebeu a "união" da Radio Cultura e o Jornal O Guaíra para tentar desmoralizar a administração. 
 Diariamente enviamos cerca de 5 a 6 matérias sobre as ações da administração, as mesmas que são postadas no perfil oficial da Prefeitura no facebook e no site da Prefeitura do Município, e até mesmo respostas a críticas geradas pelos próprios órgãos de imprensa que são oposição pública e notória à administração mellista. 

Onde estas notícias vão parar? Por que não são publicadas ou divulgadas nestes órgãos autointiulados "investigativos"? Elas não vão ao encontro dos "Planos" da Rádio Cultura muito menos do Jornal O Guaíra, que jamais vão noticiar tudo de positivo que a administração Sergio de Mello/Denir vem desenvolvendo. 

Cito um exemplo simples, basta apenas uma única pessoa que não foi bem atendida ou não gostou de algum serviço oferecido gratuitamente pela prefeitura _mesmo evento público_ que a "Imprensa investigativa" rotula como caos, ou como denúncia.
 E as outras 3000 (três mil) pessoas que são atendidas mensalmente, ou as 2000 (duas mil) que são transportadas, ou tantas outras mil que recebem um tratamento bem feito?! Sabemos que nem tudo é perfeito, mas da forma que esta imprensa se diz "investigativa", falta muito para o caos ou para uma necessária denúncia. 

Denúncia que também é conversa fiada... Deturpar a verdade não é liberdade de imprensa, não é atitude democrática, não é jornalismo profissional e tão menos, denunciar alguma coisa. Onde estão provas, onde estão documentos oficiais de uma denúncia séria? Qualificar negativamente de forma falsa é injuriar; atribuir fato determinado de forma falsa é difamar. Provocar a autoridade competente com falsos argumentos, sem provas, é praticar a denunciação caluniosa. Isto é crime! 

Desenvolvemos a ouvidoria cidadã para receber reclamações e o mais rápido possível solucionar problemas e aproximar a população da Administração Pública. O que recebemos da "Imprensa Investigativa"? Trotes realizados quase diariamente (que já estão sendo investigados) e críticas de rádios que dizem que a ouvidoria não funciona...como assim?! A ouvidoria não registra apenas os absurdos, os trotes, como por exemplo, reclamar do aeroporto de Guaíra... se não existe, como pode haver reclamação? 

 Enfim, a "imprensa investigativa", vem investigando maneiras de colocar seu umbigo acima de tudo, e ainda se diz defensora da população. Conversa fiada! Qualquer reclamação feita diretamente na ouvidoria cidadã vai ser resolvida, vai ser respondida, vai ser justificada. O desespero da "imprensa investigativa" é tanto que SOMENTE AGORA colocou à disposição da população canais para reclamações....ora, quem vai resolver o problema?! 

Se é o poder público que você tem que criticar, não se deixe levar por atravessadores que utilizam seu descontentamento ou sua situação para se promover. Fale direto com quem tem que resolver, com quem tem obrigação de prestar bem o serviço público e conhecer as falhas através da sua reclamação sincera, para melhorar e resolver o seu problema de atendimento. 

 A última conversa fiada da semana está estampada na primeira página do Jornal O Guaíra, afirmando que o prefeito descumpre a lei em não divulgar a relação de cargos e salários dos secretários e comissionados e por isso poderá ser cassado! 
Verdade seja dita, foram publicados os cargos e salários no Diário Oficial no ano de 2013 e assim que o Ilustre Vereador José Natal, na última sessão da câmara dos vereadores fez a cobrança da publicação do detalhamento, conforme o parágrafo único do artigo 112 da Lei Orgânica do Município, a providência foi imediatamente tomada. Desde sexta feira (21/03/2014) a relação está disponível no site da prefeitura para quem quiser ver, no link CONTAS PÚBLICAS (http://www.guaira.sp.gov.br/contas-publicas.html?id=1). 

Mas isso não agrada a "imprensa investigativa" que mais uma vez manipula informações e não divulga os fatos com veracidade ( trocando em miúdos, somente publica o que convém aos seus interesses). Prova disto, pra quem quiser conferir no link da Câmara Municipal, (http://www.camara-guaira.sp.gov.br/camver/LeiOrg/LeiOrg.pdf), não consta sequer a alteração da data da modificação da lei, para se verificar a obrigação do prefeito em cumpri-la. Isto é, se foi aprovada em 2013 e registrada naquele ano, deveria constar a data em que entraria em vigor conforme exige o artigo 59 da Constituição Federal e Lei Complementar nº95/98. Todas as leis do país, precisam ter o registro de usa vacatio legis (tempo de aplicação da lei). A imprensa investigativa sabia disto?! Cassação de mandato?! Jamais seria o caso, porque o fato não se insere em nenhum dos descritos no artigo 74 da Lei Orgânica do Município, portanto, outra fantasiosa vontade oposicionista! 

 A conversa fiada vai continuar... mas a Administração Sergio Mello/Denir vai intensificar seu trabalho, a divulgação de suas ações e espera que a população observe os fatos, pois falar "qualquer coisa" é fácil, provar é outro assunto. 
 Seguiremos desconversando o fiado, levando informação aos guairenses, buscando através da Justiça a reparação das ofensas profanadas, solucionando problemas, exercendo democraticamente a gestão pública e resgatando Guaíra, uma cidade sim de Gente Feliz!... ainda que isso continue incomodando alguns. 

Cristian Sterchile Diretor de Comunicação da Prefeitura do Municipio de Guaíra

Nenhum comentário: