19 de mar de 2014

PREFEITURA DE GUAÍRA CONCEDE MAIOR REAJUSTE DA REGIÃO

Negociação foi feita diretamente prefeito/funcionários, porque sentença da Justiça cancelou eleição do Sindicato dos Servidores e atuais diretores não têm legitimidade para representar os funcionários municipais. Todos os atos produzidos pela entidade são considerados nulos desde então. Fazendo valer um compromisso firmado ainda no ano passado o prefeito, Sérgio de Mello concedeu aos servidores públicos o maior reajuste salarial da região: 8,18%, com 5,68% de reposição da inflação, apurada pelo IPCA e mais 2,5% de ganho real. A este índice somam-se os percentuais previstos para cada servidor de sua progressão de carreira. No tíquete alimentação o percentual foi maior ainda 9,01%, elevando de R$ 330 para R$ 360 e quando se leva consideração a inflação do período de março 2013 a fevereiro de 2014 o ganho real no valor do auxílio alimentação foi de 3,41%. 

                                                                                                                       REGIÃO
Com o reajuste já aprovado em primeira votação na Câmara dos Vereadores (sessão de terça feira, dia 18 de março) a Prefeitura de Guaíra ofertou o maior aumento entre as cidades da região. Em Barretos o reajuste foi de 5,78% e os servidores da vizinha cidade não têm tíquete alimentação, recebem uma cesta básica. O RH da Prefeitura de Miguelópolis informou que administração ofertou reajuste de 5,5% e lá os funcionários municipais não tem o auxílio alimentação. Ipuã informou que está passando por uma reforma administrativa e somente

ao final deste processo será definido se haverá reajuste ou não. Naquela cidade o auxilio alimentação é de R$ 100.

ANÚNCIO AOS SERVIDORES 

Na quarta feira, dia 19, de manhã o prefeito, Sérgio de Mello esteve no Almoxarifado da Prefeitura repartição por onde passa o maior volume de funcionários e anunciou o reajuste diretamente para os servidores. Realçou que está cumprindo o que foi acertado no ano passado em negociação com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, que já previa reajustes acima da inflação até 2016. Reforçou que todos os fatos envolvendo a entidade sindical e o cancelamento das eleições, a Prefeitura não pode reconhecer os que se proclamam diretores como representantes dos servidores, por isso que fez a negociação direta os trabalhadores. 
O prefeito disse que espera o resultado das eleições do sindicato convocadas para os dias 27 e 28 de março para poder negociar outras reivindicações dos servidores municipais, no entanto deu uma boa notícia, informando que pretende retomar os pagamentos das licenças prêmios vencidas.
Da DireCom Guaíra/SP

Nenhum comentário: