18 de abr de 2014

O dia que o Jornal O Guaíra levou um baita susto

Imagem ilustrativa
Por Sérgio de Mello, nas redes sociais:


Sou assinante e recebo diariamente o jornal O Guaíra em minha casa na rua 16, 56, mesmo assim em seguidas edições publicaram notinhas maldosas e mentirosas fomentando boatos de que havia mudado com a família para Barretos. Ontem, as 8:20hs enviei e-mail pedindo direto de resposta para esclarecer matéria tendenciosa sobre a festa do peão, já que mais uma vez NÃO ouviram o outro lado. Acabo de ler a edição de hoje e nada... lamentável.


 Ao Conselho Editorial 

Em respeito ao direito dos leitores e população à informação correta, com relação a matéria de capa e página 03 da edição de hoje sobre a festa do peão, esclareço que, regimentalmente, uma vez que a matéria já foi discutida, votada e rejeitada pela maioria dos vereadores (7x6) na penúltima sessão ordinária da Câmara, para que o novo projeto de lei com valor reduzido de R$ 400 mil para R$ 300 mil possa ser apreciado e votado, necessito da anuência de pelo menos sete vereadores e até o momento continuo apenas com o apoio dos mesmos seis que votaram favoráveis ao projeto inicial: Susete, Joãozinho, Cida Armani, Zé Renato, Toinho do Raio X e Netinho Nogueira. 

O novo projeto está pronto, assinado e só não foi protocolado até agora por isso. Basta as pessoas e setores interessadas na realização da festa este ano ajudarem no convencimento de mais um vereador que protocolo o projeto de imediato. Recursos, entidades parceiras (Santa Casa e Sogube) e vontade política para a realização da festa do peão existem, o que falta é apoio político na Câmara. Gostaria de ter o mesmo espaço para apresentar com mais detalhes a defesa da administração. 
Aguardo manifestação de O Guaíra. 

Atenciosamente Sérgio de Mello Prefeito

Um comentário:

Jorginho disse...

Basta apresentar um projeto no valor de R$200mil, que certamente será aprovado por unanimidade, ou faça como ano passado, se não vai fazer na data em que sempre foi então faça novamente a parceria com o sindicato na pessoa do Zé Eduardo e novamente faça o "II GUAIRA COUNTRY"...