10 de set de 2014

A imprensa de Guaíra age como um partido político de Oposição

Adeir Alves 

 Quem lê o Jornalão assusta com tantos ataques direcionados à gestão pública, tem sido vergonhoso para família Guairense ver a forma raivosa que a imprensa vem conduzindo sua falta de ética em nosso município.


Nos últimos anos em nosso município foi empossada a cultura de ter a imprensa como uma espécie de cão vira-lata de guarda de partidos
políticos da base oposicionista, da direita, dos ricos, a imprensa foi praticamente acariciada, amassada e domesticada a viver à custa do dinheiro público, e, isso rende - lhe tanto poder que a imprensa passou a ser respaldada com os contratos com a Prefeitura. Fato como este foi concretizado na gestão do Príncipe Azul da Especulação Imobiliária.

Com o passar dos tempos, aproximadamente oito décadas e meia, a imprensa com seu Jornalão manipulador somou poder, alimentou as benesses do lobo mal da notinhas e seus compromissos com dinheiro público, aliou a partidos políticos, protegeu irregularidades, o Jornalão dançava conforme os contratos assassinados com os governos que não queriam a fiscalização por parte da família da Baronesa, a mesma que sofre de deficiência cognitiva.

 Nos últimos anos com o silêncio do povo, a imprensa fez a farra com dinheiro público, à imprensa joga sujo para obter seus contratos milionários, ela ataca, manipula informações, ela age como um verdadeiro partido político de oposição ao atual governo, Mello tem sofrido com os ataques da família do Jornalão.

 Para essa imprensa que vem forçando, mesmo que sem o consentimento dos pagadores de impostos, um robusto contrato com o Paço Municipal, com foi na gestão do Príncipe Azul da Especulação Imobiliária, Mello deverá continuar resistindo aos ataques seletivos dessa imprensa que se esqueceu, há muito tempo, qual é seu papel em nossa sociedade?

Mesmo assumindo a responsabilidade de abraçar a herança dos buracos no asfalto e tendo quase finalizado, mesmo que tendo iniciado a construção da UPA 24HS, mesmo que tendo comprado o terreno para construção de Mil Casas populares para os mais pobres, mesmo que tendo inaugurando a Academia da Saúde no Bairro Jardim Eliza, mesmo tendo que inaugurado o Calçadão no Bairro Vivendas, mesmo que tendo trocando a rede de amianto e resolvido o problema de saúde pública, mesmo que tendo criado o Diário Oficial, que tem gerado economias aos cofres públicos, mesmo que tendo trazido a Segunda Vara da Justiça para nosso município, Mello deve em silêncio, ter oferecido a outra face a imprensa, porque na hora certa, o povo saberá avaliar a falta de ética da família do Jornalão

Nenhum comentário: