15 de jun de 2015

Governo Municipal deverá reunir com os prefeitos de nossa região para realizar um Fórum sobre a falta de ética da imprensa

Adeir Alves 

 Nosso município vem sofrendo com a falta de ética imposta pelo descontrole da imprensa. Tem sido notório a falta de ética ensejada pelo jornalismo maldade, que desde o sepultamento dos robustos contratos em 2013, as famílias que mantém o poder da imprensa mercenária, partindo para a guerra municiadas de ódio e rancor, espalhando um clima de beligerância entre o governo e os governados, Guaíra não merece isso? 


Com o falta de ética da imprensa quem perde com todo esse flagelo, é nossa comunidade que acaba sendo vítima da desinformação e as manipulações covardes. A ousadia da família-imprensa tem atingido até á nossa região, que está sendo também vítima da deficiência cognitiva dos Barões e Baronesa da imprensa, entretanto, quem lê e ouve as notícias maldosas orquestrada pelo cenário de embustes exaltado pela imprensa, pensa que nosso município é o pior lugar de se viver. 

Sem um mecanismo para conter e combater às malvadezas proferidas pelos Barões e Baronesa, o governo vem levando um baita coro, por isso está acuado sofrendo solitário. 

 Como alertar nossa comunidade e a região sobre o desserviço da imprensa. 

 O governo municipal fazendo uso de suas atribuições legais deverá propor juntos com os prefeitos de nossa região, um Fórum para discutir o poder manipulador da imprensa. O Fórum poderá ser realizado nas dependências da Casa de Cultura de nosso município, podendo convidar: Prefeitos das cidades de Miguelópolis, Barretos, Ipuã, Bebedouro, entre outras cidades vizinhas a Guaíra e que queiram participar do evento. 

Para compor a mesa do referido Fórum: Prefeito Municipal e o Vice Prefeito, Presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Promotor de Justiça de nossa cidade, Presidentes de Partidos Políticos, representantes da Rádio Sefe e Alternativa, a sociedade civil deverá comparecer em massa para prestigiar. 

Com este Fórum realizado em Guaíra, não tenham dúvida, nossa cidade entrará para história de nossa região, tendo como foco principal: discutir e salientar questões importantíssimas sob o papel das famílias que mantém o poder da imprensa nas cidades da região, a falta de ética dos meios de comunicação e a democratização da comunicação no País. 

A título de esclarecimento: o Fórum não tem como princípio cercear a imprensa, mas, todavia fecundar um jornalismo sério moldados nos princípios da ética em nossa região. 

No entanto o Fórum será de grande importância para pactuar junto com as prefeituras de nossa região um plano de ações e medidas pautadas em princípios éticos e morais a serem executados pela imprensa. 

O Fórum será um instrumento de nossa sociedade para frear a postura autoritária dos órgãos de imprensa e direcioná-los (as) para os caminhos dos princípios éticos e morais que permeiam o jornalismo sério.

Nenhum comentário: