21 de set de 2015

O racismo é um problema de todos

Por Thainara Faria, no site Vista Minha Pele:

Perceba, vivemos uma revolução.

 Dizem por aí que agora tudo é racismo, que nós negros nos fazemos de vítima e que é exagero da nossa parte não tolerar mais as brincadeiras de mau gosto.

 Veja bem, não é que agora é racismo. Sempre foi. Agora decidimos não ficar mais calados. E a luta contra os ‘’senhores de engenho’’ continua.

 A sociedade nos escraviza. Julgam-nos a partir de conceitos formados por piadas racistas e ditados preconceituosos.


 O racismo é definido como ‘’ conjunto de teorias e crenças que estabelecem uma hierarquia entre as raças, entre as etnias. ’’

 O problema se estabelece quando as pessoas acreditam que são melhores do que nós negros nessa hierarquia que elas mesmas estabelecem.

 Deve-se entender que o racismo não é um problema dos negros, e sim de toda a sociedade brasileira. O racismo mata, separa, destrói. Ninguém ganha.

 O genocídio da juventude negra é imenso. A polícia de São Paulo, por exemplo, mata 3 vezes mais negros do que brancos.

 Em 2012, 56 mil pessoas foram assassinadas. Entre elas, 30 mil jovens de 15 a 29 anos. Destes jovens, 77% eram negros.

 Quando vamos procurar empregos, somos excluídos na primeira fase pela cor da nossa pele. Nunca nos dão voz. Ainda somos aquele conceito formado pela grande mídia.

 Agora resolvemos lutar. Com as nossas armas não aceitar mais qualquer tipo de humilhação e diminuição do povo negro advinda do racismo.

 Sem dúvidas enfrentaremos vários racistas dizendo que estamos exagerando. Isso não nos incomoda. A luta é para vivermos numa sociedade justa e livre de preconceitos.

 Thainara Faria é natural de Araraquara/SP. Responsável pelo blog A Voz da Morada, onde fala sobre assuntos reflexivos, na intenção de encontrar possíveis soluções para melhorar sua cidade. Luta pelos direitos humanos e pela igualdade social.

Nenhum comentário: