30 de abr de 2016

Governo deve renunciar a si mesmo e oferecer um novo governo ao povo

Imagem ilustrativa, retirada da internet
Adeir Alves: 

 Na atual conjuntura política municipal, não é difícil concluir uma análise nesses quase quatro anos de administração pública, isso quando se ouve a voz da rua. Conforme o descontentamento da população, a gestão pública vem atravessando um momento de dificuldades alavancado pelas decisões unilaterais do chefe do executivo e a demora nas realizações das promessas de campanhas que, uma delas, o sonho das 1000 casas populares e a fecundação de políticas públicas inovadoras nos bairros da cidade.

24 de abr de 2016

Governo à espera de um milagre

Adeir Alves: 

Um governo perdido, triste e abatido à espera de um milagre. A gestão pública vem atravessando um momento de turbulência, difícil nesta reta final do mandato sinalizado pelo distanciamento do sonho da construção de mil casas populares, que é um compromisso de campanha; acuado e sem o apoio da base aliada, governo segue seu caminho solitário sem saber para que lado recorrer.

14 de abr de 2016

Inscrições do vestibulinho ETEC já estão abertas

Do Conselho Municipal da Juventude de Guaíra/SP: 

 Você está procurando emprego? Ou então está no ensino médio e ainda não decidiu que carreira seguir? Já pensou em uma formação mais rápida que a universidade e que resulta em salários acima da média? Fazer um curso técnico hoje em dia é um diferencial na vida dos brasileiros e pode ser a solução para o seu futuro profissional. Antes visto com preconceito por parte da população, hoje virou uma referência no mercado de trabalho. As inscrições do vestibulinho ETEC já estão abertas , com vagas em Guaíra e Barretos nos cursos: administração, comercio, enfermagem, guia de turismo, informatica, mecânica, nutrição, química, secretariado e segurança do trabalho. Cabe lembrar que tem transporte disponível que leva os alunos , então não da pra moscar e perder essa chance neah ?! As inscrições vão até as 15h00min do dia 11 de maio.

11 de abr de 2016

Governo demonstra sinais de fraqueza, mas mantém a guarda

Adeir Alves: 

 Há uma situação política difícil de compreender envolvendo o cenário político municipal: A gestão pública vem naufragando nas profundezas da desgovernabilidade apontado pelo enfraquecimento dos pilares de sustentação da base aliada do atual prefeito. O afastamento dos presidentes de partidos e apoiadores do grupo do governo tem deixado o prefeito muito assustado, para piorar, a saída repentina da vereadora Eliana da Maracá e do vereador João Enfermeiro do Partido dos Trabalhadores, ambos da base aliada, com isso há risco iminente do isolamento político da gestão pública. 

É necessário que os vereadores tenham responsabilidade em suas ações


Adeir Alves: 

 O vereador é eleito pelo voto popular e assumiu um mandato de quatro anos junto à Casa de Leis do município. As funções pertinentes ao vereador é legislar, fiscalizar os gastos do erário público e as ações do governo, propor projetos que melhore a vida da comunidade em geral e, se ele achar pertinente, emitir requerimentos pedindo explicações ao executivo de determinados assuntos que ele achar necessário, cabe também aos nobres vereadores denunciar ao Ministério Público qualquer suposta irregularidade imposta pelo executivo municipal. 

9 de abr de 2016

Conheça 55 ameaças aos seus direitos

Por Leonardo Sakamoto, no blog do Miro: 

 O Brasil passa por um período sombrio, com um governo e uma oposição ruins e, provavelmente, o pior Congresso Nacional de todos os tempos. Neste momento, enquanto você toma seu café, o parlamento está aprovando leis que retiram, à luz do dia, direitos de trabalhadores, mulheres, populações tradicionais, minorias. 

 Tenho dito que se a Câmara dos Deputados, que tem à frente Eduardo Cunha, se esforçar, pode nos levar de volta ao Brasil Colônia em quatro anos. Quiçá revogando, por fim, o voto feminino, a República e a Lei Áurea. 

 A assessoria do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap) realizou um levantamento das principais matérias tramitando no Congresso Nacional que, segundo a instituição, são uma ameaça à democracia e aos direitos conquistados ao longo de nossa história. Muitas delas têm sido vendidas aos cidadãos como instrumentos para o desenvolvimento, como pontes para o futuro. Quando, na verdade, não são nada além de um túnel direto ao passado. 

7 de abr de 2016

Guaíra: Cidade que Educa

Nós somos a diferença na política!

Adeir Alves: 

Nosso município, nossos bairros necessitam de um olhar crítico por parte do administrador público, no que diz respeito à fecundação de políticas públicas.  A ociosidade que impera nos bairros é um mal induzido pela escassez de políticas públicas há tempos em nosso município; o vandalismo, a destruição dos prédios públicos, praças abandonadas somam ao grande número de crianças e adolescentes vagando pelas ruas sem saber o risco que estão correndo. 

Demandar ofertas de atividades culturais, esportivas, lazer e programas sociais, é na prática responsabilidades do gestor público e dever do legislativo fiscalizar. 

1 de abr de 2016

Guaíra aqui e agora

Adeir Alves:

 Nosso município, nos últimos anos, cresceu muito impulsionado pelo índice habitacional oriundo dos loteamentos e, com isso, vários bairros aglomeram-se nos quatros cantos da cidade. 

Evidentemente com o crescimento urbano houve uma capitação de recursos públicos derivados dos impostos (IPTU), por parte da governabilidade, que notoriamente, na prática deve ser revertido em melhorias na qualidade de vida dos contribuintes.